Boi Gordo
R$ 317,15
12/04/2021
Soja (sc)
R$ 166,91
12/04/2021
Dolar
R$ 5,721
12/04/2021
Boa tarde! Hoje é terça, 13 de abril de 2021
NOTÍCIAS / Logística e Transporte

  • 31/03/2021 Logística e Transporte

Sindicato Rural de Cascavel mobiliza protesto para receber ministro da Infraestrutura

Produtores rurais marcarão presença com tratores e caminhões, em manifestação contrária ao modelo de pedágio sugerido pelo governo; presidente do sindicato pede que não seja feita aglomeração


O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, será recebido com protestos em Cascavel. Com visita prevista nesta quinta-feira (1), o responsável por criar o novo modelo de pedágio do Paraná virá o defender e será recebido com manifestações na Prefeitura de Cascavel, a partir das 8h. Diversas entidades estão se mobilizando, inclusive o Sindicato Rural de Cascavel. Produtores rurais estão convocados a levar tratores e caminhões.

A agenda do ministro está prevista para às 10h. Será feita uma reunião semelhante a que ocorreu em fevereiro com o governador Ratinho Jr: com portas fechadas e com alguns representantes de entidades organizadas. A pauta é única: o novo modelo de pedágio proposto ao Paraná. Mesmo com audiências públicas, o Governo Federal se mostrou insensível às reclamações e sugestões de todas as entidades do Paraná. Todas desejam o mesmo: sem outorga onerosa, desconto máximo, obras no curto prazo e degrau tarifário menor.

Tarcísio vem com a intenção de convencer que o modelo proposto por eles é bom, mas não é o que os paranaenses acham. “A proposta é inaceitável. Tem que mudar tudo. Pedimos que os produtores rurais tragam tratores, caminhões para mostrar a nossa força e a nossa indignação. Já fomos roubados por 24 anos e não aceitaremos mais”, declarou Paulo Orso, presidente do Sindicato Rural de Cascavel.

Paulo também faz outro apelo: “Pedimos que não haja aglomeração. Sabemos que estamos em tempos pandêmicos e não podemos correr riscos. Todos de máscara e mantendo distanciamento, com cada um dentro do seu caminhão ou trator. Se possível, é até melhor deixar a máquina e voltar outra hora buscar”, concluiu.


Notícias relacionadas:

Porto bate recorde e faz maior embarque de farelo de soja em um único navio

Governador diz que logística e industrialização vão fortalecer agronegócio

Porto de Paranaguá prevê investir quase R$ 1 bilhão para se adaptar à Nova Ferroeste

Setor produtivo destaca modernização do Afonso Pena após leilão

Comentários Comente essa notícia

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre o uso de cookies.